Os 3 tipos de viagem

20140410-105759.jpg

Muita gente tem perguntado sobre a nossa hospedagem, onde ficamos, como fazemos para achar e reservar os lugares. Comecei a escrever um post sobre isso, mas quando ví percebi que, para mim, existem 3 tipos de viagem:

1 – Viagem para a casa de amigos e parentes;
2 – Viagem com um roteiro pré-estabelecido, com as passagens compradas e hotéis reservados;
3 – Viagem no improviso, sem datas ou lugares concretos, mas uma ideia do que se quer.

Não acho que exista uma que seja melhor ou pior, todas têm seus objetivos e vantagens e nesse um ano de viagem estamos viajando das 3 maneiras conforme a situação, abaixo vou detalhar isso um pouco melhor.

1 – Viagem para a casa de amigos e conhecidos

Acho que essa é a mais simples e direta, tudo que você tem que fazer é avisar o seu amigo a data que vai chegar, comprar a passagem e ir.  Como anfitrião, seu amigo irá cuidar do resto (hehehehehe).

Brincadeiras à parte, realmente acho que não tem muito segredo.  É claro que é sempre bom saber um pouco do lugar para onde você está indo, mas ficar com alguém que já mora nesse local torna a experiência ainda melhor por causa das dicas e do conhecimento local.  Também é importante lembrar que você não está na sua casa e tem que se adaptar à rotina do seu anfitrião e tentar ser o menos incômodo possível, lembre-se que está de favor!

Queria aproveitar para agradecer todas as pessoas que nos hospedaram em nossa viagem até agora: Euan, Marcos e Riikka em Londres, João Pedro e Vânia em Malveira, Portugal, a Silvia e o Nicola em Roma e meu irmão e a Ana em Leysin, Suíça. Muito obrigado!

A vantagem dessa maneira de viagem é que se aproveita para matar a saudade de todos!

2 – Viagem com um roteiro pré-estabelecido

O objetivo é sair de casa para a viagem com tudo já planejado.  Todas as passagens, hotéis e aluguéis de carro já reservados e com os planos do que fazer montados por dia.  É claro que não dá pra ter exatamente tudo programado e é bom ter uma folga para coisas que podem surgir na hora, mas o objetivo aqui é não precisar se preocupar com isso durante a viagem e só aproveitar.  Esse é o tipo de viagem que vamos fazer na Turquia, onde nos encontraremos com um casal de amigos que nos acompanhará por alguns dias.

Em outro post vou escrever como faço todo o planejamento dessas viagens, onde busco informação, etc.  O importante é pesquisar MUITO.

Como já dito, a vantagem desse tipo de viagem é que todo trabalho é feito antes da viagem, então na hora de viajar já está tudo preparado e é só relaxar e curtir.

3 – Viagem no improviso

Bom, acho que mais uma vez o título já diz tudo.  Esse tipo de viagem normalmente só tem de concreto o começo, e dependendo do caso o fim também.  Existe também uma vaga ideia de lugares onde deseja passar mas a ideia é que a viagem vá se construindo ao longo do tempo.  Comecei a escrever esse post em Kotor (Montenegro) e estou terminando em Santorini, quando comecei a escrever o post não tinha a menor ideia que iria à Santorini.  Tudo que sabia é que queria vir para a região do Balcãs antes de ir à Turquia.  Então tínhamos um começo (dia 21/03 em Belgrado na Sérvia) e um fim (dia 19/04 em Izmir na Turquia onde encontramos amigos para uma viagem de 3 semanas).  Quando chegamos em Belgrado tínhamos apenas uma noite reservada e o desejo de passar por Montenegro, Albânia, Kosovo, Macedônia e Grécia antes de chegar à Turquia.

Em um outro post vou escrever sobre meu processo de planejamento de viagem e já tenho um post só sobre os apps que uso que tornam viajar bem mais simples!

Trackbacks

Deixe um comentário